header mobile

Noticias

Há 27 anos atrás foi criada a Animar!

A 17 de Setembro de 1993, no Cartório Notarial de Aljustrel, realizou-se a Escritura que fez emergir no universo associativo a 1ª organização nacional, com carácter de rede, de promoção do Desenvolvimento Local - a Animar!

Ao longo dos anos a Animar foi assumindo a sua relevância enquanto organização a nível nacional e rede de pessoas e entidades, primeiro na defesa do Desenvolvimento Rural, mais tarde, enquanto organização representativa do movimento de desenvolvimento local, destacando causas na área da cidadania, igualdade, da democracia participativa e da coesão social e territorial.

Neste ano de 2020 continuamos a lutar pelas nossas causas, enfrentando novos desafios! 

Num ápice, tudo ficou imprevisível dando espaço para que velhos e novos problemas, afetem cada vez um maior número de pessoas e territórios. Estamos perante uma nova emergência económica e social, e precisamos de agir e de afirmar as nossas propostas e as nossas convicções.

A pandemia que enfrentamos empurrou-nos para uma nova realidade, com sentimentos controversos à nossa natureza comunitária: o confinamento e o distanciamento social. Faz-nos também perceber a importância da mobilização da sociedade civil e das comunidades em torno da procura de soluções para os seus problemas, necessidades e preocupações, questões que surgem associadas à razão de existência da Animar.

Vivemos um período que nos leva a refletir sobre a importância do cuidar do outro, tal como da nossa casa comum, de preservamos o distanciamento físico, mas não o social. Quanto mais próximos fisicamente nos encontramos, mais vulneráveis nos tornamos, e mais, necessitamos de encontrar formas de proximidade afetiva e solidária. Temos a responsabilidade individual e coletiva de estarmos próximos de quem está isolado, de darmos voz a quem não se faz ouvir, enfim… de ativar as dinâmicas de desenvolvimento local!

A nossa criatividade é agora desafiada para encontrar soluções, em colaboração, para a preservação da saúde comunitária e do cuidar dos outros, contribuindo para o crescimento da economia do cuidar.   São sentimentos antagónicos, entre o nosso acreditar e a realidade que agora nos é imposta, que continuam a nortear o nosso caminho de mobilização social para a promoção do bem-estar das populações nesta situação de risco sanitário. 

Esta é também a altura e a oportunidade de questionar e repensar como estamos a viver nesta nossa única casa comum, onde o modelo económico procura o consumo e crescimento insustentável, explorando a natureza e promovendo a desigualdade, gerando isolamento dos mais velhos e das crianças, atribuindo ao individualismo sucesso e acelerando os ritmos de vida sem espaço para retomarmos ao nosso ADN Comunitário.

É no nosso local que podemos e devemos fazer a diferença, ao contribuirmos para o desenvolvimento e bem-estar das nossas comunidades.

Estamos todos e todas de parabéns por este desígnio e por fazermos da Animar uma rede de inspiração para a mudança!

Um bem-haja!

A Direção

Ciclo de Webinários Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania

A Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania foi publicada a 15 de setembro de 2017, no seguimento do trabalho proposto pelo grupo de trabalho criado para o efeito pela Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade e pelo Secretário de Estado da Educação.

Nestes três anos, as escolas têm operacionalizado a Estratégia Nacional de forma continuada. Em primeiro lugar, ao desenharem a sua própria estratégia, em articulação com as alunas e os alunos, com as e os docentes, com as famílias, com as autarquias e com as organizações e associações locais. Depois, ao desenvolverem projetos disciplinares e interdisciplinares para os diferentes domínios propostos na Estratégia Nacional, que têm conseguido um impacto positivo na comunidade educativa.

Para celebrar estes três anos, a ANIMAR propõe um Ciclo de Webinários a realizar ao longo do ano letivo, com o objetivo de contribuir para um debate alargado e informado, nos quais serão abordados os diferentes domínios e serão apresentados alguns exemplos de práticas dinamizadas em contexto real, um pouco por todo o país.

 Faça a sua pré-inscrição através do seguinte link: https://forms.gle/DtVLhh2sdiaCTKjM9

 

Ciclo-de-webinrios

Manifesto - Cidadania e Desenvolvimento: a Cidadania não é uma opção!

A Associação Animar apoiou desde o primeiro momento o movimento cívico que se mobilizou nos últimos dias, em defesa da Educação para a Cidadania e agradece a todas as suas entidades associadas bem como todos/as aqueles/as que apoiaram esta causa.

A Animar procurará também como organização da economia social e do desenvolvimento local, dar continuidade à defesa da educação para a cidadania, dando a conhecer e divulgando o MANIFesto Cidadania e Desenvolvimento: a Cidadania não é uma opção!, bem com através de inúmeras atividades e projetos neste âmbito e dos Grupos de Trabalho de Educação, Cidadania e Igualdade e MANIFesta – Assembleia, Feira e Festa do Desenvolvimento Local que unem um amplo número de organizações em permanência.

Consulte o manifesto e, caso pretenda associar-se a este movimento, convidamo-lo/a a manifestar essa intenção através do formulário

Caso vos seja possível, coloquem também este conteúdo nas V. páginas e convidem à sua subscrição.

Diariamente iremos proceder à atualização das subscrições.

Pela Educação para a Cidadania, porque esta também é Desenvolvimento Local e Economia Social.

Página do Facebook

 

pdf

LISTA DE SUBSCRITORES_11.09.2020-convertido

Tamanho: 2.03 MB
Adicionado a: 2020-09-14

Faleceu Maria do Carmo Bica

Carmo-BicaHoje, partiu a associada da Animar, Carmo Bica, uma ativista, uma lutadora de causas, uma impulsionadora do desenvolvimento local, uma mulher que nunca foi indiferente às injustiças…

Fará falta a sua força, a sua energia que agitava espaços de ação, que inquietava os conformismos e que nos alertava e mobilizava a todas e todos nós para novas causas, …

Na Animar fica a memória da sua postura e ação, que marcaram e são parte de tantas iniciativas, projetos e órgãos sociais de que fez parte. Continuará para sempre em cada um de nós, que conheceu a Carmo e com ela privou, a sua atitude e militância por um mundo melhor.

Por toda a Animar, por todas e todos nós… a nossa gratidão por termos estado contigo... permanecerás para sempre no coração da Animar e em cada um de nós!


A Direcção da Animar

Havendo mais informações, serão comunicadas aos associados.

Pintura de Azulejo-Técnica de estampilha

O CEARTE - Centro de Formação Profissional para o Artesanato e o Património realiza, de 29 de Julho a 7 de Agosto de 2020, um curso Pintura de Azulejo-Técnica de estampilha.

Para mais informações ou inscrição consulte aqui.

Fundo para a Inovação Social

O Crédito Agrícola ciente da sua responsabilidade social e colectiva, aderiu à Linha FIS Crédito, destinada a apoiar projectos e iniciativas que apresentem respostas inovadoras para problemas sociais, pelo seu potencial de gerar impacto e pela sua sustentabilidade.

Em defesa dos direitos dos Imigrantes

A Animar, no âmbito do projecto Animar - Capacitar para Agir em Rede II, criou um Grupo de Trabalho dedicado à questão das migrações e aos problemas decorrentes desta realidade, que elaborou um Caderno em Defesa dos Direitos dos Imigrantes.

Financiado Por

financiadores02financiadores03financiadores04

Redes e Parcerias

Parceiro1 CasesParceiro2 RipessParceiro3 CNESParceiro4 ComunaCarta Portuguesa para a Diversidade