Olhares sobre o Envelhecimento. Estudos Interdisciplinares. Volume II

Olhares sobre o Envelhecimento. Estudos Interdisciplinares. Volume II

Autores/as

Joaquim Pinheiro (coordenação)

Sinopse

A longevidade etária dos brasileiros tem gerado novas demandas de ingresso no Ensino Superior decidadãos com mais de sessenta anos de idade. Este artigo resulta de duas pesquisas realizadas com os idosos regularmente matriculados na Universidade Federal de Viçosa, sendo esse trabalho umdesdobramento original baseado nos discursos dos estudantes sobre o apoio familiar como elemento demotivação para o ingresso e permanência.

Editora

Centro de Desenvolvimento Académico, Universidade da Madeira

Sobre

A metodologia empregada foi a Análise do Discurso de linha francesa e a técnica de coleta de dados foi a entrevista semiestruturada. O principal referencial utilizado para a análise teórica foi a Teoria do Reconhecimento, proposta por Axel Honneth, pois buscou-se entender como os idosos universitários relataram seus processos de vínculo social com a instituição. A análise do material discursivo dos entrevistados identificou a importância do reconhecimento familiar dos idosos, principalmente no estímulo ao ingresso e permanência no Ensino Superior na instituição pesquisada. Conclui-se que políticas públicas brasileiras de inserção dos idosos no Ensino Superior precisam levar em consideração a conscientização dos familiares para que haja reconhecimento e apoio para permanência.

Data de edição

Maio, 2021

N.º de páginas

196

Suporte/Formato

Publicação

Um recurso da entidade

Universidade da Madeira
Funchal

Classificado em

Economia Social e SolidáriaIntervenção ComunitáriaExclusão Social e Luta Contra a PobrezaDemografiaCoesão SocialIgualdade de OportunidadesDesenvolvimentoSaúde

Ficheiros: